Concurso PRF: Projeto básico do certame sai até sábado, 12!


Concurso PRF: Projeto básico do certame sai até sábado, 12!

A Polícia Rodoviária Federal se movimenta para abrir um novo edital de concurso público (Concurso PRF 2021) em breve. A comissão organizadora, formada pela corporação em agosto, deverá entregar o projeto básico do certame até o próximo sábado, 12 de setembro.
                                                                             
A portaria que forma o grupo de trabalho da comissão estabelece que o documento seja elaborado e entregue dentro do prazo de 30 dias. Ou seja, como a portaria foi publicada no dia 12 de agosto, os servidores designados já se movimentam para entregar o documento até o fim desta semana.

Após o termo de referência do concurso PRF ser concluído, o documento vai ser direcionado ao diretor executivo da corporação, José Hott.

"Incumbe ao Diretor-Executivo e à Diretora de Gestão de Pessoas orientar, supervisionar e prover suporte aos trabalhos da comissão," diz o texto da portaria.

O diretor explicou os detalhes desta fase. "Esta é uma etapa de planejamento interno, ainda não temos cronograma e qualquer medida concreta depende da prévia autorização do concurso"

Comissão do concurso PRF formada
Foi publicada no dia 11 de agosto, a comissão do novo concurso. De acordo com o documento, Portaria n° 256/2020, foram nomeados 04 membros para a comissão de acompanhamento dos trâmites relacionados ao certame, como a elaboração do projeto básico para contratação da banca organizadora, último passo antes da publicação do edital.

Confira os membros da comissão do concurso PRF 2021:

I - Vannucci Gomes Araújo, na função de presidente;
II - Patrícia Duarte Benevides, na função de presidente substituta;
III - Caroline Maes; e
IV - Petronílio Rocha Neto

A Polícia Rodoviária Federal fez um pedido de novo concurso público para preenchimento de 2.772 vagas. No entanto, o próximo edital deve contar apenas com 2.634, quantitativo autorizado para o cargo de Policial.

De acordo com o diretor José Hott, por ora, não há previsão de concurso para cargo de nível médio. Para esta função, haverá remanejamento.

Os salários oferecidos pela PRF chegam a R$10.357,88 para nível superior e R$4.022,77 para nível médio.

Para ingresso na carreira de Policial Rodoviário Federal, é necessário nível superior (em qualquer área) e carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria "B". Os candidatos devem ser avaliados por prova objetiva de conhecimentos específicos, prova discursiva, exame de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social, avaliação de títulos e curso de formação profissional.

As tarefas do Policial Rodoviário Federal dependerão da classe, sendo dividas em quatro: Classe Especial; Primeira Classe; Segunda Classe; e Terceira Classe. O salário inicial da carreira de policial rodoviário federal é de R$10.357,88 em 2019. Os valores já incluem o auxílio alimentação, que atualmente está fixado em R$458.

O Policial de terceira classe tem a missão realizar atividades de natureza policial envolvendo a fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e demais atribuições relacionadas com a área operacional do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, enquanto o de segunda classe terá que efetuar atividades de natureza policial envolvendo a execução e controle administrativo e operacional das atividades inerentes ao cargo, além das atribuições da Terceira Classe.

A PRF trabalha em parceria com outras instituições, como Ministério Público do Trabalho (MPT), Polícia Federal (PF), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Receita Federal, Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e outros.

O concurso da PRF 2021 deve ser composto por: a) prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório; b) prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório; c) exame de capacidade física, de caráter eliminatório, d) avaliação de saúde, de caráter eliminatório; e) avaliação psicológica, de caráter eliminatório; f) avaliação de títulos, de caráter classificatório; e g) investigação social, de caráter eliminatório, de responsabilidade da PRF.


Deixe seu Comentário